Jornal O Debate

Informação com Credibilidade

No início do ano, não teve quem passasse pela Rua Agenor de Paula e não notasse a nova fachada da Glossfit Academia, onde uma arte urbana, valorizando a mulher, prendeu a atenção, pelo impacto, perfeição ou até mesmo pela beleza do grafite.

É isso mesmo, a Glossfit Academia quis renovar sua fachada e a ideia da proprietária, Michelle Vitti, não poderia ser mais inovadora. A arte de rua, feita pelo grafiteiro e artista plástco Igor Barreto, conseguiu o que almejava. Atualmente considerada não só no Brasil, como no mundo, uma importante manifestação culturais e social, a arte de rua é predominante nas grandes cidades.

A Glossfit Academia surgiu há três anos, com um novo conceito: uma academia voltada somente para mulheres, pensando no conforto e na liberdade da mulher, que muitas vezes se sente mais à vontade num ambiente, onde não precisam se preocupar com roupas, com cabelo, e sim se sentir à vontade para fazer os exercícios físicos.

Atualmente, são 70 alunas que participam das atividades oferecidas. Dentre as várias práticas esportivas, destacam-se: treinamento funcional, pilates solo, dança coreografada, dança de salão, estética facial e corporal.

Michelle quis iniciar o ano com novidades, “Porque não renovar a fachada, valorizando a mulher através de uma arte de rua?”. E assim foi, depois de muita pesquisa, ela encontrou Igor Barreto, artista plástico e grafiteiro, entrou em contato com ele e as ideias começaram a surgir. “Queria uma parede que mostrasse um novo conceito de empoderamento, tirar essa imagem de ‘mulheres fracas e inferiores’, mostrar que somos fortes e que qualquer uma pode alcançar seus objetivos, sem perder a feminilidade de uma guerreira”, diz Michelle.

Depois de muitas conversas entre a empresária com o artista plástico –que é proprietário do Studio Color Paint Graffiti, na cidade de Lençóis Paulista–, sobre como restaurar a parede com uma arte em grafite, eles chegaram a algumas conclusões. “Tirei algumas fotos do local e junto com Wellerson Fernando, que fez a arte, trouxemos alguns desenhos para a Michelle aprovar”, conta Igor.

“E, assim que foi aprovado, começamos o trabalho. Primeiro tratamos a parede, passamos uma resina, e transferimos o desenho de forma quadriculada para a parede. Depois chegou a hora de grafitar, onde usamos um compressor de tinta e em dois meses a arte estava pronta para ser apreciada”, diz Igor.

Michelle faz o convite à população para que conheçam as instalações da Glossfit: “Quero convidar todas as mulheres que não fazem academia, seja por meio ou receio, a conhecer a Glossfit, porque tenho confiança em que se sentirão confortáveis aqui conosco”.