Jornal O Debate

Informação com Credibilidade

Comércio está otimista com vendas de Natal

A expectativa do setor é que as vendas sejam melhores que as de edições passadas

O Natal é a melhor data de vendas para o comércio varejista. É um período de confraternizações, mundialmente comemorado com trocas de presentes. Levados pelo apelo emocional da data, os consumidores são envolvidos por um clima festivo e de convívio, criando um momento positivo e de grandes expectativas. A data tem como característica a multiplicação de efeitos, pois movimenta diversas cadeias produtivas, cabendo a cada uma oportunizar o seu negócio.

A liberação de parte do FGTS pelo governo federal e o pagamento do 13o salário devem movimentar e aquecer a economia neste final de ano. Segundo alguns economistas citaram em suas colunas, a previsão de aumento será de 4% em relação ao ano passado.

Em São Manuel, a expectativa não é diferente, ainda mais depois do sucesso do Black Friday, no fim de novembro, e, de acordo com alguns comerciantes, um indicador que ajuda a medir o apetite do varejo é o estoque, que depois do Black Friday teve que ser renovado, e quanto mais encomendas as lojas fazem, menos produtos ficam parados nos fabricantes.

“A prova de que está havendo uma melhoria no comércio foi a Black Friday, que este ano foi superior ao ano passado, demonstrando que o consumidor está aproveitando oportunidades. Estamos confiantes e otimistas que as vendas neste final de ano sejam maiores que as dos outros anos”, pontuou o gerente Toninho, da Marciu’s Magazine.

De acordo com Delson Antônio Scarparo Filho, Presidente da Associação Comercial e Empresarial de São Manuel (ACESM), a expectativa para o comércio de nossa cidade é bem otimista. “ Com base da Facesp em relação a dezembro de 2018, a previsão de aumento será de 5%”, comenta Delson.

O comércio está muito esperançoso com as vendas de final de ano e já apostam em crescimentos para o ano de 2020. “Nós, das Lojas Algodão Doce, há 22 anos acreditamos no potencial de São Manuel. E estamos muito felizes por podermos colaborar com o progresso da cidade, inaugurando no primeiro semestre de 2020, nossa maior loja da rede”, conclui Vagner Rosa e os filhos Tiago e Marina Rosa, proprietários das Lojas Algodão Doce.