Hospital Amaral Carvalho retoma atendimentos após suspeita de sarampo em funcionários

O Hospital referência no tratamento de câncer anunciou que retomou desde quarta-feira, 30 de outubro, os atendimentos eletivos (não-urgentes) que foram suspensos na terça-feira, 22, do mesmo mês, após a confirmação de 37 casos suspeitos de sarampo entre funcionários da unidade.

Um dia após a suspensão dos atendimentos, medida que não afetou os procedimentos de urgência e emergência, a direção do hospital informou que foram confirmados três casos positivos de sarampo entre funcionários e outros 41 casos suspeitos. Esses funcionários foram afastados.

Além das consultas eletivas, o hospital jauense, que recebe pacientes de todo o país, também anunciou a suspensão de exames como raio-x, endoscopia, ultrassonografia e ressonância magnética. No comunicado divulgado na terça-feira, 29, a direção do hospital informou que a unidade mantém o “estado de atenção” com relação ao sarampo, mas que vai retomar a maioria dos procedimentos não-eletivos.

Segundo o hospital, os pacientes com agendamentos a partir de quarta-feira, 30, devem comparecer normalmente, exceto se forem avisados do contrário. Já os pacientes que tiveram procedimentos suspensos entre os dias 22 e 29 deste mês, devem aguardar um telefonema do hospital para marcação de uma nova data para ao atendimento.

O comunicado destaca ainda que, a partir desta quarta, só será permitida a entrada de um acompanhante por paciente.

PREVENÇÃO
Por conta do “estado de atenção” em relação ao sarampo, funcionários com febre serão afastados para preservar a segurança dos pacientes e de outros colaboradores. A medida será mantida até que sejam divulgados os resultados de todos os exames.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *