O PERIGO DAS REDES

A popularização da internet nos deixou à mercê das grandes empresas virtuais. Não estamos a salvo nem no conforto dos nossos lares, pois a cada curtida, deixamos mais informações pessoais vulneráveis pela rede.

E para piorar, caro leitor, uma das últimas atualizações da rede social mais utilizada do país foi a de criar “reações” para determinadas publicações. Dessa forma, a empresa tem acesso ao que nos alegra para quando estivermos tristes, ao que nos deixa emotivos e até ao que nos deixa indignados, podendo se utilizar dessas informações para não só nos deixar mais tempo em sua plataforma, mas também para vender esses dados a empresas que misturam política e análises de dados.

Essas empresas podem ter clientes políticos, identificar o que nos deixa aborrecido por meio das reações e criar Fake News sobre esses assuntos para favorecer os mesmos, o que já aconteceu em escala global e sem distinção de ideologias nas últimas eleições. Por isso é preciso ter muito cuidado para não cairmos nesse tipo de artimanha, mas, ao mesmo tempo, é quase impossível vivermos longe das redes. O importante se torna, então, procurar sempre fontes confiáveis de informação e estar sempre atento às discussões que permeiam o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *