Ponto de Vista: Luciana Thaís Caldeira

Antes de pensar em fazer psicologia, Luciana Thaís Caldeira passou por um momento muito difícil em suavida, que só quem passa, sabe a dificuldade e a dor dotranstorno. “Quando eu era mais nova, passei por um trauma, desenvolvendo transtorno do pânico, o quadro chegou a um momento, em que eu não conseguia sair de casa e fazer atividades sociais, como por exemplo, ir para a escola”, conta a psicóloga.

Após passar por tratamento com psicólogo, Luciana, estando na posição de paciente, conseguiu compreender como é ruim não estar bem e ser questionado e muitas vezes sentir que o próximo não acredita em si mesmo.

Então, quando surgiu a oportunidade de fazer o curso de psicologia, Luciana mesmo tendo passado por problemas para terminar o ensino médio nos conta“. Eu não desacreditei em mim e fiz a graduação. Quando eu falo a respeito em atuar com o coração, é isso, eu já passei pela situação de paciente e compreendo que não é um processo fácil”.

Psicólogo é um profissional que busca entender os pensamentos, comportamentos e as funções mentais do ser humano. Atuando no tratamento e prevenção de doenças mentais, buscando melhorar a qualidade de vida do paciente.

De acordo com a psicóloga, o dia a dia dessa profissão, é sempre uma surpresa e uma emoção diferente, aonde pode encontrar choros e sorrisos, pessoas querendo desistir de sua vida e outras querendo encontrar motivos para viver.

Luciana trabalha com a abordagem da terapia Cognitiva Comportamental. Segundo conta, é uma abordagem totalmente estruturada, porém depende muito de cada paciente, se ele vai se adaptar para essa abordagem ou não, e depende também da idade, pois crianças menores de sete anos é trabalhado de uma forma diferente, a criança dessa idade não tem a parte neuronal ainda formada para trabalhar a cognição.

Luciana Thaís Caldeira é graduada em Psicologia, pelo IMES – Instituto Municipal de Ensino Superior de São Manuel, há 6 anos. Fez Especialização em Psicoterapia Breve e é formada em Terapia Cognitiva Comportamental – ambas pela Ampliatta Bauru.Atualmente atende na Clínica Sankal, localizada à Av. Aldo Marine, número 11, telefones: (14) 3841-3546 e pelo WhatsApp: (14) 99719-5850.

A psicóloga atende, em seu consultório, crianças, adolescentes, adultos e idosos. “Eu não tenho umaidentificação somente com um gênero, pois cada umtem seu encanto, suas vivências e seu tempo. As crianças estão descobrindo a vida agora, os adolescentes só querem ser escutados e poder questionar seus assuntos sem serem julgados, os adultos às vezes encontram algumas dificuldades em seus caminhos e precisam que alguém acredite neles e os idosos, são maravilhosos, com tantas histórias para contar e experiências”.

Luciana já atendeu e atende vários temas, como: bullying, questão de autoestima, crise existencial, TDAH, autismo, questão de conduta, regras, dependência emocional, luto, TOC, transtorno opositor desafiante, possíveis pacientes de cirurgias bariátricas, compulsão alimentar, fobias entre outros.

“Primeiramente gostaria de agradecer ao pessoal do jornal, que me convidou para fazer essa entrevista,fiquei muito feliz! Quero agradecer a todos da minha família, que estão sempre me apoiando em todas as minhas decisões, meus pais, meu irmão, minha cunhada e meu namorado. Obrigada a todos que acreditam e confiam em meu trabalho e não se esqueçam, que a cada passo dado é um micro passo, que vão levar a micro vitórias e quando menos esperarem, irão alcançar grandes vitórias’, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *