Edição 570 de 28/04/2017

ENTREVISTAS

A Rádio Clube e o Jornal O Debate continuam a série de entrevistas com os vereadores locais. Nesta edição trazemos o vereador Jacó. Já os vereadores Fernando Fefê e Paulo Zapparolli estiveram nos estúdios da emissora esta semana. 

CALENDÁRIO

A coluna Opinião traz a importância de se ter um calendário de eventos na cidade, com a participação das entidades, comerciantes, municipalidade, etc. Por exemplo, no calendário já sabemos que nos dias 15 e 16 de setembro teremos a Festa Italiana e as tradicionais apresentações das academias de dança no final de ano. Acompanhe na pág. 02.

APARECIDA I

A vereadora Alexandra Guimarães está solicitando ao prefeito Ricardo Salaro melhorias para o Distrito de Aparecida. Uma das indicações apresentada na última sessão da Câmara sugere a ida da Banda Filarmônica São-manuelense para se apresentar à população aos sábados à noite no coreto de Aparecida.

APARECIDA II

A outra indicação da vereadora solicita que o departamento competente providencie a iluminação pública para o campo de futebol existente em Aparecida, disponibilizando o local aos praticantes deste esporte também no período noturno, com uma abrangente iluminação.

ILUMINAÇÃO

O vereador Marco Micheletto solicita ao prefeito que determine melhorias na iluminação pública para a Rua João Birraque, localizada seu início na Vila Parque Recreio até atingir o Bairro Ragozo, substituindo as atuais lâmpadas por novas e com maior potência, pois encontra-se muito escura no período noturno, com a reclamação constante por parte da população e dos motoristas.

MEDICAMENTOS

A falta de medicamentos nas farmácias da prefeitura vem deixando a população indignada. Até mesmo os vereadores da base aliada do prefeito não entendem por que de tanto abandono numa área tão importante. Estes vereadores dizem que cobram constantemente o prefeito, mas que, apesar de já estar entrando no quinto mês de mandato, nada foi feito.

ÉTICA

Quando um leitor ou ouvinte pede ajuda a um órgão de imprensa, muitas vezes é por medo de ser identificado. A pessoa sabe da responsabilidade da mídia em resguardar seus dados pessoais. Agora, querer forçar a imprensa a divulgar os nomes de seus ouvintes ou leitores para que demandas OBRIGATÓRIAS sejam cumpridas, é no mínimo falta de ética. A maioria das reclamações, se resolvidas, podem melhorar a vida de outras pessoas que por falta de informação ou até comodidade não foram atrás de seus direitos.  A Rádio Clube e o Jornal O Debate não aceitarão medidas descabidas como esta.

 

Central São-manuelense de Comunicação – Jornal O Debate, Rua Cel. Rodrigues Simões, 69
Centro – São Manuel – SP, Telefones (14) 3842.3637 / 3841-4459 – contato
Desenvolvimento e Hospedagem: TeraQualy