Edição 577 de 11/08/2017

Tristeza pelo abandono do Distrito de Aparecida

Está sendo realizada em  Aparecida de São Manuel, a tradicional Festa da Assunção de Nossa Senhora ao Céu, que atrai todos os anos milhares de romeiros e turistas ao pequeno santuário dedicado a Nossa Senhora Aparecida, considerado o segundo no Brasil. 

As festividades tiveram início no último dia 06, domingo, e já estão levando ao Santuário milhares de romeiros, que estão participando da Novena e também da 19ª Moto Romaria que reuniu aproximadamente 2 mil motociclistas. Se comparado a outros anos, para os próximos dias, segundo os organizadores aproximadamente 40 mil pessoas são esperadas no Santuário.

A festa de Aparecida de São Manuel consta no calendário turístico-religioso do Estado de São Paulo.

Estes dados nos habilitam a enaltecer esta festa como uma das maiores da cidade de São Manuel na atualidade. Mas apesar de sua grandeza, autoridades locais não estão dando a devida atenção.

Diferentemente do que ocorria em outros anos, onde havia apoio, organização e manutenção por parte da municipalidade, hoje os preparativos estão ocorrendo até praticamente à véspera da festa. 

Esquecem os responsáveis pela faxina, limpeza e iluminação pública, que a festa já teve início no dia 06 de agosto e se encerra dia 15.

Tanto os romeiros, quanto os moradores, esperavam gestão e organização. E não abandono, desleixo e realizar as manutenções mínimas quase no dia da festa. 

Quem está frequentando o centenário Distrito nesta época de festejos já reparou que a sinalização das ruas e a pintura de sarjetas estão sendo feitas esta semana, hoje ainda com certeza está sendo realizada. Operação tapa-buracos foi realizada após a moto-romaria, varrição das ruas ainda não foi realizada, postes com lâmpadas queimadas há mais de três meses permanecem sem conserto, ou seja, estão no escuro.

Destacamos que o problema não está nos funcionários públicos, visto que cumprem ordens, mas em chefes, pseudo-gestores e despreparados que não conseguem nem dar conta de uma simples manutenção num bairro que recebe milhares de pessoas. E detalhe: estas manutenções deveriam ser feitas de forma corriqueira, ou seja, constantemente, mas nem para a Festa de Aparecida são realizadas.


Aparecida merece respeito!

Central São-manuelense de Comunicação – Jornal O Debate, Rua Cel. Rodrigues Simões, 69
Centro – São Manuel – SP, Telefones (14) 3842.3637 / 3841-4459 – contato
Desenvolvimento e Hospedagem: TeraQualy